FANDOM


Não confundir com Fantasma, um breve membro dos Jovens Titãs.

O Fantasma
327790-60303-phantasm
Informações Gerais
Alter ego Andrea Beaumont
Primeira Aparição Batman: Máscara do Fantasma
Afiliações Sociedade da Face Falsa
Originalmente The Phantasm
Poderes e Habilidades
Habilidades Criação de ilusões

Combate desarmado

Equipamento Manopla

Andrea Beaumont, O Fantasma, foi a ex-noiva de Bruce Wayne.

História Editar

Andrea Beaumont é a filha do rico empresário Carl Beaumont e sua falecida esposa, Victoria. Durante sua juventude, enquanto estudava na Universidade Gotham, ela conhece Bruce Wayne. Quando Andrea o encontra novamente em sua casa, ela o vence numa disputa de artes marciais. Sua vitória é curta, já que logo em seguida Bruce a derruba no chão e a encurrala. Foi neste momento que ela se apaixonou por Bruce. Ele é internamente conflitado por seu desejo de ter uma vida normal com Andrea e manter a promessa que fez por seus falecidos pais de lutar contra o crime. Ele finalmente decide abandonar o combate ao crime - ao invés depositando parte de sua herança para o Departamento de Polícia de Gotham City - para que pudesse casar com Andrea. Após Bruce a propor em casamento, ela alegremente aceita. Segundos depois, morcegos voam da caverna que futuramente seria a Batcaverna.

Andrea é forçada a quebrar o noivado e se mudar para a Europa, contudo, quando ela descobre que seu pai enganou a máfia. Carl Beaumont criou corporações falsas para alguns dos maiores chefes de máfia em Gotham, incluindo Chucke Sol, Sal Valestra e Buzz Bronski. Quando eles descobrem que Beaumont defraudou deles, eles demandam reembolso imediato. Incapaz de acessar facilmente o dinheiro que havia roubado e subsequentemente investido, Carl foge com Andrea e eventualmente se acomoda na costa mediterrânea. Até então, ele transformou o dinheiro que roubou em uma grande fortuna. Porém, quando ele se recusa a fazer doações para Arthur Reeves, um político antes pelo seu emprego, o jovem político vende informações do paradeiro de Beaumont à máfia. Apesar de Carl ter repago eles, os gângsters vingativos querem "interesse misturado com sangue" e planejam usar a informação para matá-lo. Eles enviam seu assassino de aluguel Jack Napier (que mais tarde se tornaria o Coringa) para matar Carl Beaumont. Andrea encontra Napier enquanto ele sai de sua casa de campo, e descobre que ele assassinou seu pai há poucos instantes.

Fantasma

O Fantasma ataca

Consumida por ódio, Andrea aguarda pacientemente por dez anos, planejando a morte dos homens que destruíram sua felicidade. Quando ela retorna a Gotham, veste um traje reminiscente do Ceifador Sinistro, completo com um aparelho gerador de fumaça e uma manopla com lâminas em formato de foice. Disfarçada de tal modo, e confundida por todos como Batman, ela mata Sol e Bronski. Após a morte de Bronski, ela descobre que Batman é, de fato, Bruce Wayne. Batman logo descobre a ligação entre os mafiosos e Carl Beaumont e questiona Andrea, mas ela o rejeita. Quando o Fantasma tenta matar Valestra, ela quase cai numa armadilha feita pelo Coringa, da qual escapa. Batman tenta apreendê-la enquanto foge da residência de Valestra, apesar de que ela facilmente evade ele e a polícia. Quando Andrea percebe que a polícia vai aprisionar Bruce em seu lugar, ela rapidamente muda seu traje e ajuda ele a fugir das autoridades. Numa tentativa final de esconder sua identidade, Andrea diz à Bruce que Fantasma é seu pai, e que ela voltou para parar sua fúria assassina. Os dois então passam a noite juntos. Batman abre o medalhão de Andrea enquanto vasculha seu apartamento, e, depois de sobreviver à uma bomba enviada pelo Coringa, ele percebe que ela é o Fantasma.

Andrea rastreia o esconderijo do Coringa no abandonado Parque de Diversões Mundo Gotham, mas o Palhaço Príncipe do Crime deduziu sua identidade, e está preparado para seu ataque. Os dois lutam mão a mão na exibição "Casa do Futuro" até que ele atrai Andrea para uma turbina gigante. Ele tenta a matar ao fazer a turbina sugá-la, mas Batman intervém, quebrando a máquina momentos antes de que suas lâminas pudessem ter esmagado ela. Andrea tenta justificar suas ações. Ela pede pra ele deixá-la carregar seu vendeta sem interferências. De uma vez, completamente desamparado, Batman pede para que ela saia. Andrea concorda e desaparece em uma nuvem de fumaça. Após uma batalha entre o Cavaleiro Negro e Coringa, Andrea reaparece para reivindicar o maníaco derrotado. Enquanto o parque de diversões explode, Andrea desaparece com o Coringa, com o último rindo maníacalmente.

Fantasma-Desmascarado

O Fantasma é desmascarado, revelando Andrea

Depois de escapar do inferno através de uma série de esgotos, Batman assume que Andrea e Coringa pereceram nas chamas. Contudo, ela sobrevive e deixa um medalhão para Bruce na Batcaverna como uma lembrança. Na penúltima cena do filma, Andrea se encontra no deck vespertino de um forro marítimo, completamente sozinha.

O Fantasma faz sua primeiro retorno em As Aventuras de Batman e Robin Anual #1 (1996). O Fantasma também aparece em As Aventuras de Batman: Sombras e Máscaras, na qual Andrea entra disfarçada na organização de Máscara Negra, a Sociedade da Face Falsa. Durante esse arco da história, ela confronta Bruce na Mansão Wayne e pede para que ele não interfira em sua operação. Ele repele Andrea, se referindo à ela como "assassina" e portanto indigna de sua consideração. Ela eventualmente luta com Batgirl, que pega algumas de suas bolas de gás. Ela também tenta matar Máscara Negra.

Mais tarde, ela tem de se defender contra Arthur Reeves completamente insano (antes contaminado pelo Veneno do Coringa mais cedo), que pegou sua identidade de Fantasma e planejava matá-la. De todo modo, ela conseguiu enganar "Fantasma" e fazê-lo cair até sua morte do arranha-céu no qual eles duelaram.

Liga da Justiça Sem limites Editar

152885-147418-phantasm

O Fantasma vai atrás da família de Terry McGinnis

Andrea reaparece como uma mercenária em Liga da Justiça Sem Limites (no episódio #26, chamado "Epílogo"). Agora uma mulher mais velha, Andrea é contratada por Amanda Waller para assassinar os pais de Terry McGinnis diante de seus olhos. O trauma psicológico, argumenta Waller, irá guiar McGinnis na direção de se tornar o sucessor de Batman. Porém, Andrea não pôde continuar com o trabalho e o abandona momentos antes de matar o jovem casal. Andrea defende que o homicídio iria corromper o legado de Batman quebrando a regra primordial de Bruce, nunca tirar uma vida. No episódio, Andrea não tem falas ou dublador sequer. Seus sentimentos são canalizados através do monólogo de Amanda Waller recontando o evento.

Poderes e Habilidades Editar

  • Andrea era habilidosa com artes marciais tendo estudado desde sua adolescência, mas a maioria das habilidades vinham do traje.
  • Pode criar ilusões, sendo que é capaz de sumir em meio a fumaça e "reaparecer" em um lugar diferente, além de ser capaz de criar versões idênticas à própria, porém sem massa alguma.

Equipamentos Editar

  • Ela usava uma vestimenta protetiva que oferecia alguma proteção limitada de impactos.
  • Uma manopla na mão direita que possui uma duas lâminas em formato de foice e gera fumaça.